Krona registra crescimento em 2019 e prevê novidades para 2020

A economia apresenta sinais positivos de recuperação em diversos setores, com perspectivas melhores para os próximos anos. A avaliação do cenário é feita pela Krona que, mesmo em momentos mais difíceis da economia, manteve o ritmo de investimentos e crescimento.


Este ano, a empresa investiu R$ 25 milhões e a previsão de alta nos negócios é de 15%, desempenho acima dos 13,3% alcançados em 2018. Para 2020, estão planejadas importantes novidades.


Sem revelar detalhes do que vem por aí, a Krona antecipa que fará grandes lançamentos na Feicon Batimat.


"A infuência da agenda política negativa mostra sinais de redução na pauta econômica, especialmente após a aprovação da Reforma da Previdência. O crescimento é uma realidade, mesmo que seja menor do que o esperado. Estamos preparados e trabalhamos para acompanhar este movimento”,

observou Fernando Pedro de Oliveira, superintendente Administrativo


O executivo acredita que o investimento em infraestrutura, ainda que esteja tímido, deve crescer com a melhora na economia, o fortalecimento da construção civil, do agrobusiness, com a redução das taxas de juros, maior acesso ao crédito, redução da taxa de desemprego e aumento do consumo da população.


"A redução da taxa de juros e o crédito são determinantes para a retomada da construção civil e, pelo que a economia está demonstrando, temos espaço para uma taxa nos níveis atuais por um período maior, em uma nova realidade nunca vivida no Brasil. A confiança também tem melhorado e isso faz com que as pessoas voltem a consumir e a adquirir ou reformar seu imóvel”,

explica.


Na avaliação de Gustavo Dias de Sousa, superintendente Comercial e de Marketing da Krona, o movimento positivo da economia foi percebido especialmente no segundo semestre.


“As vendas aceleraram no segundo semestre e superaram nossas expectativas, ainda que dentro de um planejamento realista de mercado”,

destaca.


O bom resultado é consequência também dos investimentos que a Krona fez este ano.


"Melhoramos nosso parque industrial, com máquinas novas, automação e eficiência em processos. Nossa logística aprimorou métodos de supply chain e aumentamos investimentos em comunicação e merchandising”,

observa Edson Fritsch, superintendente Industrial da empresa.


Além disso, integrou processos internos, a área de pesquisa e desenvolvimento incrementou linhas, otimizou, ainda mais, produtos existentes e lançou uma nova linha de quadros de distribuição. “Os resultados estão aparecendo e ainda teremos muitas novidades pela frente”,

finaliza.


Fonte: Revista Anamaco